O que é SIPAT?

By 25 de maio de 2018blog
SIPAT: o que é?

O que é SIPAT?

Saiba o que é SIPAT; descubra o significado por trás da sigla e qual seu objetivo dentro das empresas

Tanto empregadores quanto colaboradores já devem ter escutado eventualmente o termo SIPAT. Caso não saibam o significado, explicaremos.

A sigla SIPAT é a abreviação de Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho.

Seu objetivo, como o próprio nome sugere, é criar uma semana nas empresas voltada exclusivamente à prevenção de acidentes de trabalho, criando e estabelecendo medidas voltadas à conscientização.

A SIPAT faz integração com a CIPA (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), que é uma obrigatoriedade prevista na Norma Regulamentadora 5 (NR – 5).

De acordo com a Portaria º 3.214, uma das atribuições da CIPA, que envolvem a SIPAT, está descrita no item 5.16, onde diz que os empregadores devem “Promover, anualmente, em conjunto com o SESMT, onde houver, a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho – SIPAT”.

Portanto, podemos dizer que, sim, a Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho deve ser feita com caráter obrigatório pelas empresas.

Qual o objetivo da SIPAT?

Para entender de fato o que é SIPAT, precisamos entender quais são seus objetivos.

O principal foco da SIPAT é dedicar uma semana, todos os anos, para que haja um engajamento coletivo, envolvendo os colaboradores, visando o bem-estar e saúde dentro do ambiente de trabalho.

Tudo o que for voltado à segurança no trabalho pode, e deve, ser abordado durante a SIPAT. Cursos e treinamentos, por exemplo, podem ser exibidos aos colaboradores durante a Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho.

Além disso, atividades, gincanas, palestras e sorteios são comuns e recorrentes durante a SIPAT.

Importante: É preciso entender que a SIPAT não é uma semana de confraternização. Ela deve ser vista como uma aliada no combate aos acidentes de trabalho e às doenças ocupacionais (doenças oriundas do local de trabalho).

O que é SIPAT?

O que deve ser abordado durante a Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho?

Quaisquer assuntos que podem ser úteis quanto à saúde e bem-estar no ambiente de trabalho podem ser abordados durante a SIPAT.

Outros assuntos pertinentes à saúde do colaborador, que não necessariamente envolvem o local de trabalho, também podem ser pautas importantes da SIPAT, como campanhas no combate a AIDS, que inclusive são obrigatórias nas empresas, como prevê a NR -5, onde diz que os colaboradores devem “participar, anualmente, em conjunto com a empresa, de Campanhas de Prevenção de AIDS”.

Se a SIPAT e a campanha de prevenção a AIDS serão feitas no mesmo momento, cabe aos empregadores definirem. Fato é que a maioria das empresas prefere realizar ambas as obrigatoriedades no mesmo período, já que isso pode gerar uma economia aos empregadores, tanto de tempo quanto de investimento.

Contudo, lembre-se sempre que o foco da Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho não pode ser desviado.

Quem organiza a SIPAT?

A SIPAT, como já foi dito, pode ser organizada tanto pela equipe do SESMIT (Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho), quanto houver, ou por um técnico em segurança do trabalho.

O SESMIT ou o técnico em segurança do trabalho são responsáveis por, em conjunto com as empresas, elaborar palestras, atividades e campanhas durante toda a Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho.

Além das funções já citadas, o técnico em segurança do trabalho ou o SESMIT também podem ajudar na documentação da SIPAT. Isto é, ambos auxiliam no registro das reuniões, listas de presenças, de modo a documentar a realização da SIPAT.

Toda empresa deve fazer a SIPAT?

Partindo do princípio que a SIPAT é um obrigatoriedade prevista na CIPA, consequentemente toda empresa sujeita à CIPA deve dedicar uma semana, anualmente, a realização da SIPAT.

O que é SIPAT?

Mas quais empresas estão sujeitas à CIPA?

O Ministério do Trabalho e Emprego, obrigatoriamente, diz que qualquer empresa que possua funcionários em regime CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) está sujeita à CIPA.

Portanto, podemos concluir que QUALQUER empresa, independentemente do porte e segmento, tendo funcionários em regime CLT deve realizar a SIPAT.

Importante: a SIPAT pode ser feita em qualquer período do ano. O ideal, porém, é que haja uma época definida, para que dessa forma as empresas consigam se planejar melhor.

Benefícios que a SIPAT oferece às empresas

A SIPAT realiza um trabalho focado na conscientização, visando criar uma rotina focada no bem-estar dos colaboradores.

Mas o que a SIPAT pode oferecer de bom às empresas?

A SIPAT, em conjunto com outras medidas e programas voltados a manter a saúde e bem-estar dos colaboradores, ajuda na diminuição de acidentes de trabalho e no combate às doenças ocupacionais.

Uma empresa com menos acidentes e doenças no ambiente de trabalho tem mais chances de ser bem-sucedida no competitivo mercado empresarial.

Mas qual a relação do investimento em medicina do trabalho com o sucesso profissional?

Tanto o sucesso profissional quanto o investimento em medicina do trabalho estão conectados, já que uma empresa sem cortes no quadro de funcionários, seja por motivos de doenças ocupacionais ou acidentes de trabalho, não terá que se preocupar com os problemas que surgem devido essas situações.

Por exemplo, empresas que sofrem com os acidentes e doenças laborais naturalmente devem lidar com a queda na produção e, eventualmente, com atrasos em prazos e cronogramas estipulados.

Problemas como esses poderiam, inclusive, ser evitados por empresas com estratégias focadas na saúde dos colaboradores, que incluem a SIPAT.

Por esse motivo, torna-se tão importante investir em medicina no trabalho.

Não veja a SIPAT ou qualquer outro programa como um vilão ou apenas como uma obrigatoriedade. Tenha a medicina do trabalho como uma valiosa aliada na busca pelo sucesso profissional.

Comece a fazer a SIPAT     

Agora que conhece a importância da Semana Interna de Prevenção de Acidentes no Trabalho e sabe o que é SIPAT,  não tenha dúvidas de que ela pode ser uma valiosa aliada no combate às doenças ocupacionais e acidentes de trabalho.

Dicas de segurança no trabalho

 

Deixe seu comentário, ele é importante para nós

Join the discussion One Comment

Leave a Reply