O que é medicina ocupacional e qual sua importância - Belém Saúde - Blog

O que é medicina ocupacional e qual sua importância

By 16 de abril de 2018blog
O que é medicina ocupacional e qual sua importância

O que é medicina ocupacional e qual sua importância

Entenda mais o que é medicina ocupacional e descubra sua importância para as empresas

Apesar de ser uma obrigatoriedade entra as empresas, muitos empregadores ainda não conhecem exatamente o que é medicina ocupacional.

De modo geral, a medicina ocupacional é a área focada em melhorar a relação entre meio de trabalho e bem-estar dos colaboradores.

A medicina ocupacional tem como objetivo, portanto, criar um padrão normativo, que visa manter os colaboradores com a saúde em dia, enquanto exercem suas respectivas funções no trabalho.

O que é medicina ocupacional?

A medicina ocupacional cuida da saúde e bem-estar dos colaboradores, através de uma série de normas exigidas pelo Ministério do Trabalho e Previdência Social.

Essas exigências fazem parte das Normas Regulamentadoras (NR). Existem, ao todo, 36 NR’s, contudo, as empresas devem somente se adequar às normas que forem necessárias para seu dia a dia

Portanto, entende-se que as Normas Regulamentadoras são o meio utilizado para regulamentar a área da medicina ocupacional no âmbito empresarial.

A importância da medicina ocupacional

A medicina ocupacional é primordial às empresas, e há várias razões para isso.

Antes de tudo, é importante frisar que a medicina ocupacional é uma obrigatoriedade para as empresas. Quaisquer empregadores que desrespeitarem as normas exigidas pelo Ministério do Trabalho estão sujeitos a multas que variam de acordo com a infração cometida.

Entretanto, o fato da medicina do trabalho ser uma obrigatoriedade não a torna ruim.

Acontece justamente o contrário, já que a medicina ocupacional é uma aliada valiosa para as empresas, devido os inúmeros benefícios que ela oferece.

Entenda a relação entre Medicina do trabalho e as NR’s

Como dissemos, a medicina do trabalho é a área responsável cuidar da saúde dos colaboradores. As NR’s são normas padronizadas que tem como objetivo estabelecer medidas preventivas e corretivas obrigatórias nas empresas.

Ou seja, medicina ocupacional e Normas Regulamentadoras caminham juntas e são aliadas importantes das empresas.

Benefícios medicina ocupacional

A medicina ocupacional oferece diversos benefícios aos empregadores, começando pela diminuição no número de afastamentos de colaboradores.

O fato de a medicina ocupacional diminuir o número do absenteísmo nas empresas (número de colaboradores afastados) por si só é um benefícios e tanto para os empregadores, e há uma razão para isso.

Imagine que sua empresa esteja com o número de funcionários mais restrito. Isto é, com colaboradores específicos para cada função, sem qualquer substituto imediato.

Perde qualquer colaborador, nesse cenário, seria desastroso para o cronograma e produção da empresa.

Perder um colaborador por falta de investimento em medicina ocupacional seria ainda pior, pois a omissão foi a principal responsável pela ausência do funcionário.

Manter as empresas de acordo com as Normas Regulamentadoras impostas pelo Ministério do Trabalho, investindo na medicina ocupacional, é um dos principais fatores no combate ao absenteísmo.

O que é medicina ocupacional e qual sua importância

Melhora no ambiente de trabalho

O ambiente de trabalho, às vezes, está associado a um lugar de esforço e desgaste físico e mental. Contudo, com a medicina do trabalho, a história pode ser outra.

Ao investir em medidas que visam cuidar do bem-estar e saúde dos colaboradores, a tendência natural é que os colaboradores sintam-se mais confortáveis para exercer suas funções.

Ou seja, melhora o ambiente de trabalho, o clima na empresa, de modo a fazer com que os funcionários rendam mais.

Uma equipe mais motivada, claro, tende a melhorar o rendimento, aumentando, consequentemente, a produção da equipe.

Com isso, as chances dos resultados melhorarem aumentam consideravelmente.

Diminuição de acidentes de trabalho

Uma empresa que investe em medicina do trabalho, que consequentemente está de acordo com as Normas Regulamentadoras, diminui consideravelmente o número de funcionários afastados devido a acidentes de trabalho.

As medidas corretivas e preventivas elaboradas pelo médico e engenheiro do trabalho favorecem um ambiente sem acidentes, estimulando, assim, um trabalho mais tranquilo e confiável.

Diminuição de processos trabalhistas

Um colaborador acidentado ou afastado por motivos médicos devido à omissão da empresa é um grande problema para os empregadores.

Imagine colocar em xeque o destino da empresa por descuidado e falta de investimento na área de medicina do trabalho.

Os prejuízos que os processos trabalhistas causam às empresas são inúmeros, sobretudo os gastos indesejados.

Ter que arcar com custas judiciais e eventuais processos trabalhistas podem definir o destino das empresas.

Os valores desse tipo de processo são elevados e podem representar uma grande perda.

Então, sai bem mais barato investir na medicina do trabalho, adequando-se ao ministério do trabalho e, naturalmente, às normas regulamentadoras.

Somente dessa forma a empresa estará de fato protegida contra os processos judiciais decorrentes de acidentes no ambiente de trabalho.

Como investir em medicina ocupacional

A melhor forma de investir em medicina ocupacional é buscando o auxílio profissional. Nesse caso, uma empresa de engenharia e medicina do trabalho é o mais recomendado.

Somente um profissional da área é capaz de definir uma estratégia eficiente e estruturada, com medidas preventivas e corretivas, capazes de manter a saúde e bem-estar dos colaboradores em dia.

Mas como escolher uma empresa de medicina do trabalho capacitada?

Existem alguns critérios importantes ao escolher uma empresa de medicina ocupacional. Por isso, listamos algumas dicas valiosas para que o momento da escolha seja mais tranquilo.

Conheça a empresa

Primeiro de tudo, busque o máximo de informações a respeito da empresa. Conheça seu tempo no mercado, os serviços que oferece, sua estrutura e localização.

Baseando-se nessas informações, você terá mais embasamento para chegar a uma decisão mais acertada.

Busque diferenciais

Escolher uma empresa que caia no senso comum, que não ofereça aquele algo a mais, pode gerar dores de cabeça no futuro.

Por isso, ao escolher uma empresa de medicina do trabalho, opte por uma que ofereça um trabalho mais abrangente. Ou seja, tenha uma ampla gama de serviços, que se preocupe com o acesso a informação.

Uma empresa que tenha, por exemplo, um blog ativo e informativo é um sinal ótimo, pois representa uma empresa preocupada em oferecer um conteúdo de qualidade não só aos clientes, como também aos visitantes.

Peça um orçamento

Antes de tomar uma decisão, faça um orçamento. É o mais recomendado para quem está à procura de uma empresa de medicina do trabalho. Essa é, basicamente, a última etapa antes de fazer um a escolha definitiva.

Portanto, não hesite, pergunte, tire dúvidas e conheça mais o trabalho da empresa. Somente dessa forma você chegará a uma decisão mais acertada, com menos chances de erros.

O que é medicina ocupacional

Leave a Reply